Esgotado !

Mâcon-Villages Saint-Léger

Mâcon-Villages

Região Beaujolais | Branco | 2017

Uvas: Chardonnay 100%

Elegante . Fresco . Mineral . Redondo . Aromático

Harmonização: Aves, Frutos do Mar, Saladas

De R$145,00 por:

CAIXA FECHADA

R$64,80/garrafa

CAIXA MISTA

R$72,00/garrafa
Ficha técnica
Safra: 2017
Conteúdo: 750 ml
Uvas: Chardonnay 100%
Teor alcoólico: 13%
Temperatura de serviço: 8 a 10º
Estimativa de guarda: 4 anos
Como conservar seu vinho: Para o vinho mostrar todo o seu potencial quando for degustado, ele tem de ser armazenado em ambiente fresco, com controle de temperatura e umidade, livre de trepidações e sem contato com a luz.
Ficha de degustação
Cor: Ouro claro.
Aroma: No nariz há aromas de primavera de flores brancas, como flores de cerejeira e flores de acácia, e também frutas amarelas.
Paladar: Na boca o vinho é redondo, fresco, elegante, equilibrade, com um final ligeiramente limão e mineral. Típico Chardonnay.

Mâcon-Villages está localizado ao sul da Borgonha e é famoso pelo ótimo custo-benefício frente aos grandes vinhos brancos da região. As vinhas com idade média de 50 anos, plantadas em uma colina, com exposição ao sol orientadas à sudeste e o solo argilo-calcário, permitem uma excelente maturação da uvas Chardonnay.

É um Chardonnay mais autêntico: de cor verde dourado, tem bouquet muito atraente de flores e frutas cítricas. É fresco na boca, bem equilibrado e persistente. Um bom vinho para se beber com amigos como aperitivo ou harmonizado com frutos do mar.

Técnicas de produção:
. Rendimento de 60 hl/ha
. Vinificação sur lies
. Colheita manual
. Passagem de 6 meses em barris

  • Seco
    Doce
  • Leve
    Potente
  • Simpes
    Complexo
  • - Frutado
    + Frutado
  • - Amadeirado
    + Amadeirado
  • - Tânico
    + Tânico
  • - Ácido
    + Ácido
Sobre a Região

Região: Beaujolais
Vinícola: Maison Colin-Bourrisset
Sobre a região: A região de Beaujolais fica na parte mais ao sul da Borgonha, logo depois de Lyon, é famosa pela tipicidade única de seus vinhos, produzidos com a uva tinta Gamay.

Apesar de ser considerada como parte da Borgonha, a tipicidade de seus vinhos se mostra tão forte que conferiu a essa região uma identidade própria.