Restam: 102 garrafas

Domaine Brice Beaumont

Lirac

Região Côtes du Rhône | Tinto | 2015

Uvas: Grenache Noir 50%, Syrah 20%, Mourvèdre 20%, Carignan 5% e Cinsault 5%.

Estruturado . Elegante . Gastronômico . Frutado . Taninos macios

Harmonização: Carnes vermelhas, Embutidos

De R$137,00 por:

CAIXA FECHADA

R$97,20/garrafa

CAIXA MISTA

R$108,00/garrafa
Ficha técnica
Safra: 2015
Conteúdo: 750ml
Uvas: Grenache Noir 50%, Syrah 20%, Mourvèdre 20%, Carignan 5% e Cinsault 5%.
Teor alcoólico: 14,5%
Temperatura de serviço: 16 e 17º
Estimativa de guarda: 5 a 7 anos
Como conservar seu vinho: Para o vinho mostrar todo o seu potencial quando for degustado, ele tem de ser armazenado em ambiente fresco, com controle de temperatura e umidade, livre de trepidações e sem contato com a luz.
Ficha de degustação
Cor: Do rubi profundo ao vermelho granada.
Aroma: Os vinhos tintos jovens são caracterizados por aromas de pequenas frutas vermelhas ou frutas de caroço. Eles evoluem para notas de couro, vegetação rasteira ou alcaçuz.
Paladar: Atinge sua plenitude após alguns anos de garrafas, quando seus taninos estão bem derretidos e lhe dão essa forma redonda, cheia, sem excesso de energia.

Lirac é uma apelação situada à frente da famosa apelação Chateauneuf du Pape, do outro lado do Rhône, com produção de vinhos semelhantes aos Chateauneuf. Foi a partir do século XVI que o Lirac começou a traçar sua história, estando presente nas mesas das grandes cortes reais da França e de outros países. Oferece um vinho harmônico, de textura e complexidade incomparável. Um vinho gastronômico e de guarda de 30 anos, com um ótimo custo-benefício.

 

Técnicas de Produção:

. Produção de 35 hl / ha
. Envelhecimento em barris de carvalho por 12 meses.
. Montagem realizada antes do engarrafamento.
. Clima mediterrâneo

 

  • Seco
    Doce
  • Leve
    Potente
  • Simpes
    Complexo
  • - Frutado
    + Frutado
  • - Amadeirado
    + Amadeirado
  • - Tânico
    + Tânico
  • - Ácido
    + Ácido
Sobre a Região

Região: Côtes du Rhône
Vinícola: Domaine Brice Beaumont
Sobre a região: O rio Rhône nasce nos Alpes e se estende até o Mediterrâneo. Há vinhedos plantados em ambas as margens e estes se diferem muito dada a geografia, clima e solo peculiares de cada uma delas. 

O desenvolvimento da viticultura nessa região é intimamente ligado a história, principalmente ao papado que se estabeleceu em Avignon no fim da Idade Média, sendo o centro da Igreja Católica nessa época. Vinhos de extrema qualidade foram produzidos para suprir as demandas dos papas que ali viviam. 

Os vinhos da margem direita são mais finos e frutados e os da esquerda são definidos como mais robustos. Porém todos eles refletem os tons de seu terroir e do savoir-faire ancestral da região. Podemos sempre dizer que, tendo em vista a presença do clima mediterrâneo e do vento Mistral, são produzidos na região vinhos bastante variados, complexos e apaixonantes.

Apesar da maior parte de sua produção ser de tintos, excelentes brancos podem ser encontrados na região, sem falar dos rosés de Tavel, AOC mais antiga da França e exclusivamente dedicada a esse tipo de vinho. 

Além de ser a maior região em superfície e produção de vinhos, de fato é uma região que nos convida a degustar um bom vinho!